O sol está queimando o campo magnético da Terra e essas são as consequências que sofreremos na pele

11/10/17 às 18h47

Você sabe o quão privilegiado somos por estarmos a distância correta do Sol para que haja vida? Bom, muito né? Mas recentemente foi registrado a erupção mais poderosa dos últimos doze anos e ocasionou diversos problemas no sistema de comunicação do território europeu e americano. Cientistas destacam que além dos fenômenos atmosféricos impressionantes, a recente erupção pode provocar uma forte tempestade geomagnética, capaz de interromper o funcionamento de satélites.

O Sol não é uma estrela que influência os planetas ao seu redor, ele também é um corpo em constante variação, com explosões violentas de radiação. Sua massa é cerca de 300 mil vezes a da Terra. Diferente dos planetas que são considerados rochosos, como Marte e a Terra, ou gasosos, como Saturno e Júpiter, nossa fonte de calor é formada por plasma, gasoso na superfície e mais denso conforme se aproxima do núcleo.

É em seu coração, sob uma temperatura de 15 milhões graus centígrados, que as reações químicas nucleares mais assustadoras acontecem. São até 600 milhões de toneladas de hidrogênio convertidos em hélio por segundo.

Efeitos na Terra

Aparelhos tecnológicos que usamos na Terra sofrem uma grande influência do clima espacial. GPS e comunicadores que dependem de frequência de rádio, como aviões, podem ser impactados por essas erupções.

Em 1859, uma das maiores erupções atingiu o campo magnético da Terra, causando o colapso dos serviços telegráficos. Se isso tivesse ocorrido hoje em dia as consequências teriam sido grandes, pois temos uma dependência enorme da energia elétrica.

Em toda a história, nenhuma tempestade solar jamais afetou uma missão tripulada. Mas, em 1972, a NASA registrou rajadas solares que poderiam matar um ser humano desprotegido do campo magnético da Terra durante as missões Apollo 16 e 17.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Via   Revistagalileu     Sputniknews  
Imagens Curasaudavel G1
Gustavo Camargo
Gustavo Camargo, 18 anos, Goiano, Publicitário, Homão da Porra. Fascinado por League of Legends, Hearthstone, Lúcifer (série) e Literatura.
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.