10 imagens mostram como são as periferias de diferentes países

13/09/17 às 16h08

E não é que em todo lugar do mundo podemos encontrar aquele "bairro" da periferia, também conhecido como favela? Pois bem, caros amigos, se procurarmos o significado da palavra favela, poderemos encontrar a seguinte descrição: "conjunto de habitações populares precariamente construídas e desprovidas de infraestrutura. As favelas estão localizadas em áreas ocupadas irregularmente nas encostas dos morros, nas margens de córregos, rios e canais."

E é claro que em todo, ou quase todo país existe favela, até porque, o mundo está longe de não ter gente que precise ir morar nesses lugares, concordam? Tendo isso em mente, a Fatos Desconhecidos resolveu pegar imagens das maiores favelas do mundo e mostrar para vocês. Então, confiram agora a nossa matéria com as 10 imagens que mostram como são as periferias de diferentes países:

1 - Favelas de Maharashtra - Índia - 19 milhões de pessoas

Imaginem uma favela com 19 milhões de pessoas!? Essa área pobre também é um dos lugares mais poluídos do mundo. Lá não existe uma organização de dados para identificação da poluição da água. Triste, porém real.

2 - Neza-Chalco-Izta - México - 4 milhões de pessoas

A favela veio a crescer ainda em 1990, e hoje é uma das maiores do mundo. O governo do México se esforça para criar um ambiente mais sustentável, em colaboração a organizações como Infonavit, com habitação acessível em crescimento.

3 - Kibera - Quênia - 2,5 milhões de pessoas

Esta favela foi fundada em 1985 e sua população é o resultado do apartheid histórico e seu fim durante a Segunda Guerra Mundial. Um local de extrema pobreza e onde a AIDS fez milhares de vítimas.

4 - Orangi Town - Paquistão - 1,8 milhão de pessoas

A maior favela da Ásia tem mais de 80 por cento da população trabalhando informalmente. Devido a falta de abastecimento de água, os moradores são obrigados a confiar em grupos comunitários para ter água limpa. Ganhar dinheiro suficiente para suprir suas necessidades básicas ou comprar uma terra adequada é um dos maiores obstáculos dos moradores da região.

5 - Manshiet - Egito - 1,5 milhão de pessoas

Muitos habitantes desse lugar tem dificuldades com a falta de água potável, saneamento básico, eletricidade e principalmente com a alimentação. Acreditem vocês ou não, nesse lugar moram cerca de 1,5 milhão de pessoas.

6 - Dharavi - Índia - 1 milhão de pessoas

40% das famílias que moram nesse lugar são consideradas economicamente fracas e 39% são de baixa renda. Com 1 milhão de moradores, o lugar tem falta de água e também de educação.

7 - Cité Soleil - Haiti - 400 mil pessoas

Um lugar violento e repleto de doenças, como a AIDS, deixam os moradores assustados. Para vocês terem uma ideia, a expectativa de vida nesse lugar é de apenas 52 anos. Existem muitos moradores desse lugar que vieram de La Saline, uma favela que foi destruída por um imenso incêndio.

8 - Khayelitsha - África do Sul - 392 mil pessoas

A população dessa favela surgiu devido a questões históricas do apartheid, em 1985. A AIDS, a violência, a pobreza e o desemprego são alguns problemas desse lugar.

9 - Favela da Rocinha - Brasil - 69 mil pessoas

A Rocinha é uma favela localizada na Zona Sul do município do Rio de Janeiro, no Brasil. Destaca-se por ser a maior favela do país, contando com cerca de 70 mil habitantes. Essa favela tem a sorte de possuir saneamento básico, transporte e até mesmo um McDonald's.

10 - Favela do Condado de Hidalgo - EUA - 52 mil pessoas

Um lugar cercado de mexicanos que foram tentar a sorte nos EUA. Muitos dos mexicanos vivem em casas e terrenos inadequados, sem abastecimento adequado para água e habitação. Dos 800 mil moradores da região, 52 mil moram no Condado de Hidalgo.

E aí, já sabiam como eram as favelas espalhadas pelo mundo? Comentem!

Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.