10 criaturas estranhas demais para serem de verdade

13/09/17 às 16h36

Existem muitas criaturas por aí que nós nem sabemos que existem, até porque, o reino animal é cheio de criaturas mágicas que ficam escondidas em lugares onde o homem não vai. Bom, além de ter animais fofos, bonitinhos e incríveis, a natureza também faz animais medonhos e assustadores, dos quais a maioria das pessoas prefere passar muito, muito longe.

Tendo em mente que muitos de vocês, assim como nós, desconhecem muitas criaturas fantásticas que habitam esse mundo, nós resolvemos escrever essa matéria com as 10 criaturas estranhas demais para serem realidade, e temos certeza que a maioria delas você nunca ouviu falar, confiram:

1 - Coelho Angorá

Não, isso não é uma algodão doce, mas sim um coelho angorá, uma raça de coelho doméstica coberto por seu longo e fino pelo. Seu pelo precisa ser tosado ao menos duas vezes por ano. Essa raça de coelhos é bastante apreciada por muitos fãs de coelhos devido principalmente ao pelo que eles dispõem: vasto e muito macio. Eles têm origem Turca, tal como outras espécie Angorá, como o gato e a cabra.

2 - Pangolin

O pangolim é um mamífero que vive em zonas tropicais da Ásia e da África. Há sete espécies diferentes, as únicas representantes da família Manidae e ordem Pholidota. Esse animal é coberto da cabeça aos pés por um "casa" blindada e escamosa, bem parecido com o tatu-bola.

3 - Leptocéfalo

O leptocéfalo, ou leptocephalus, em inglês, é a larva das enguias marinhas e outros membros da Superordem Elopomorpha. O corpo completamente achatado lateralmente é preenchido com uma substância gelatinosa transparente e uma camada muscular muito fina. Todos os órgãos são pequenos e o intestino é um tubo simples.

4 - Macrocheira kaempferi (caranguejo-gigante-japonês ou caranguejo-aranha-gigante)

Essa é uma espécie de caranguejo, considerada o maior artrópode extante conhecido, que chega a atingir uma envergadura, medida com as patas esticadas, de 3,8 metros e um peso de 19 kg. Imaginem topar com um caranguejo desse tamanho.

5 - Charidotella sexpunctata

Esse brilhante animal se alimenta de plantas e pode mudar entre cor de ouro e um marrom avermelhado, isso depende muito do seu humor. Charidotella sexpunctata é um coleóptero norte-americano que pode ser encontrado nas folhas de Glória-da-manhã, o seu alimento preferido.

6 - Lampreia

Lampreia é o nome comum dado a diversas espécies de peixes ciclóstomos de água doce ou anádromos, com forma de enguias, mas sem maxilar. Acredita-se que a Lampreia está na Terra há incríveis 360 milhões de anos. Os adultos pode chegar a ter 1,20 metros de comprimento e pesar entre 2 a 3 kg.

7 - Peixe-lua

O peixe-lua pertencente à ordem Tetraodontiformes é o maior e mais pesado peixe ósseo do mundo, podendo pesar cerca de 900 quilos e crescer 6 metros de comprimento.

8 - Macaco-parauacu ou Macaco Saki

Essa é uma espécie de primata pertencente à família Pitheciidae. É encontrado na Guiana, Guiana Francesa, Suriname, leste da Venezuela e norte do Brasil. Enquanto o corpo desse animai é todo preto, sua cabeça é coberta com pelos brancos, deixando-o irreconhecível.

9 - Glaucus atlanticus

Glaucus atlanticus é uma espécie de lesmas-do-mar pelágicas pertencente ao grupo dos moluscos nudibrânquios da família Glaucidae, sendo a única espécie conhecida do género Glaucus. Essa criatura também atende pelo nome de Dragão Azul, e usa sua coloração especial como camuflagem enquanto flutua na superfície da água.

10 - Umbonia Spinosa

A Umbonia Spinosa finge que é um espinho nas árvores pra fugir dos predadores. Sua carapaça é semelhante a um espinho, como se pode observar nas imagens. É uma espécie bastante comum pertencente à família Membracidae (grupo de insectos parentes das cigarras) e juntamente com várias outras espécies de insectos, são denominados de insectos-espinhos.

E aí, já conheciam todas essas criaturas? Comentem!

Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.