Um fotógrafo passou 6 meses viajando pela Sibéria registrando povos indígenas e o resultado é maravilhoso

22/06/17 às 18h47

Há mais ou menos nove anos atrás, Alexander Khimushin colocou a mochila nas costas para viajar o mundo, passando por exatamente 84 países. Em sua viagem, ele percebeu que as pessoas de cada lugar eram as coisas mais incríveis da viagem. Três anos atrás, ele criou um projeto chamado "The World In Faces", com o objetivo de celebrar a beleza e diversidade do mundo através dos retratos de pessoas comuns. Já leram a nossa matéria que mostra o mistério dos vagões que se "esmagam" sozinhos na Sibéria?

Bom, ele fez um trabalho especial na Sibéria, por ser um lugar remoto e onde culturas e tradições ainda estão vivas. Ele fotografou várias e várias pessoas de diferentes tribos, desde crianças, homens, mulheres, até as pessoas mais velhas das tribos. O resultado? Confiram:

1 - Uma mulher Ulchi

2 - Uma pequena Evenki

3 - Garota Sakha

4 - Garota Ulchi

5 - Evenki Elder

6 - Uma mulher Sakha

7 - Homem Nivkhi

8 - Pequena garotinha Evenki

9 - Garota Buryat

10 - Garota Negidal

11 - Homem Ainu Young

12 - Uma pequena garota Uilta

13 - Garota Evenki

14 - Mulher Shenehen Buryat

15 - Mulher Soyot

16 - Idosa Tazy

17 - Um Shaman Buryat

18 - Garota Chukcha

19 - Homem Ulchi Young

20 - Home Oroqen

E aí, gostaram da diversidade de pessoas que vivem na Sibéria? Não esqueça de deixar o seu comentário, querido leitor.

Via   Bored Panda  
Imagens Mu Modern Met
Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.