É assim que fica a pele tatuada por dentro, aumentada 400 vezes no microscópio

16/05/17 às 15h35

Nós já escrevemos algumas matérias sobre tatuagens, como as 10 coisas que você só descobre quando faz uma tatuagem pela primeira vez e 19 tatuagens que vão te fazer pensar "Que coisa genial", e hoje, caros leitores, nós vamos mostrar para vocês mais uma curiosidade sobre as tatuagens. Como hoje em dia é mais fácil ver uma pessoa com tatuagem do que sem, nós resolvemos mostrar para o nosso público como fica a nossa pele por dentro depois de tatuada, isso aumentada por um microscópio 400 vezes.

Para quem não sabe, não importa onde ou quando você fez sua tatuagem, é certo que ela fez com que algumas camadas internas da sua pele fiquem alteradas. A ciência ainda não sabe se isso pode ser bom ou ruim, embora algumas pessoas possam sofrer com alergias à tinta e outras não.

Se você não gosta de imagens fortes, pode ficar tranquilo, que nessa matéria não tem nada horroroso que vai fazer você perder o sono. Mas a verdade é que, mesmo sendo bonita por fora, colorida e cheia de vida, poucas pessoas sabem como fica a pele por dentro depois de fazer uma tatuagem, certo?

Na imagem que vocês verão abaixo mostra exatamente como fica a nossa pele interna, com a imagem aumentada 400 vezes. Esse tecido que foi analisado está exposto no museu Mütter Museum, na Filadélfia, em uma sessão chamada Death Under Glass.

Segundo Marianne Hamel, uma examinadora forense que fez tal imagem, a ponta da direita do tecido é a queratina, a camada mais superficial da pele humana. Já à ponta da esquerda podemos ver a epiderme e a parte mais rosada é a derme. Agora vocês estão vendo uns pontinhos vermelhos bem profundos no círculo preto? Pois é, essa parte é o pigmento da tatuagem em nossa pele.

Mas afinal, por que diabos a tatuagem não sai da nossa pele? É claro que existem algumas técnicas que removem a tatuagem, mas é um procedimento complicado e que oferece riscos, bem mais complexo do que fazer uma tatuagem é removê-la. O que acontece é que a agulha penetra a nossa epiderme e deposita a tinta na derme, uma camada embaixo da epiderme que contém vasos sanguíneos e nervos.

Cada picada da agulha é uma ferida a qual o corpo reage iniciando um processo inflamatório. Isso significa que o corpo vai enviar células do nosso sistema imunológico para onde foi feita a ferida, e células chamadas macrófagos vão "comer" a tinta para tentar limpar a inflamação. O que sobra ali acaba sendo absorvido por células chamadas fibroblastos, que ficam na epiderme para sempre.

Quando vamos remover uma tatuagem com laser, os raios rompem os fibroblastos em pedaços menores, que depois disso serão absorvidos pelo seu corpo e irá apagar a tatuagem. Ficou com dúvidas sobre o porque das tatuagens ficarem para sempre no nosso corpo? O vídeo abaixo explica com mais detalhes, confiram e não esqueçam de colocar a legenda em português:

E aí, gostaram dessas informações sobre tatuagens? Sabem de mais alguma coisa que podemos acrescentar na nossa matéria? Comentem!

Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.