O que acontece quando os animais hibernam?

31/05/17 às 14h12

Nossos cachorros parecem que sempre estão com fome, pois basta nos ver comendo alguma coisa que já fazem aquele olhar fofo que pouca gente resiste. Ao contrário dos animais de estimação, muitos outros passam até meses se comer nada. Para alguns deles é completamente normal ficar muito tempo sem comer, já que isso está programado em seus instintos e DNA. As salamandras cegas, por exemplo, podem ficar até dez anos sem comer. Já que estamos falando de fome, talvez você goste da nossa matéria com as 8 coisas que só quem está sempre com fome irá entender.

O urso é um outro exemplo, já que ele hiberna durante o inverno e tem a capacidade de passar semanas ou até meses sem comer. Agora como uma criatura daquele tamanho pode ficar tanto tempo sem comer? Como eles não sentem fome durante todo esse tempo ou eles não sentem fome?

Alguns biólogos, neurocientistas e psicólogos explicaram como os animais se sentem quando estão com fome. Para Ivan de Araujo, professor associado de psiquiatria da Yale School of Medicine, nós não podemos saber como os animais dessas espécies sentem quando estão sem comer, pelo fato das suas fisiologias terem evoluído para serem mais resistentes à falta de nutrientes. Algumas espécies ficam sem comer por causa de mecanismos de reduções drásticas na função cardiovascular, um exemplo que podemos citar são os répteis, que abaixam sua taxa cardíaca para 1 batida por minuto, enquanto esperam o próximo alimento.

Ele diz que o que os animais experimentam é completamente diferente do que espécies menos adaptadas sentem. Essa é uma questão complicada de responder, mamíferos com fome produzem mecanismo de evitação, sendo assim, é interessante saber se a evitação desses animais vem  de uma consequência por falta de comida.

Para Marshall McCue, da St. Mary's University, essa pergunta é difícil de responder com precisão. Alguns animais não vão comer esse mês caso eles tenham comido no mês passado, como a sucuri. Humanos que fizeram jejum além de mais ou menos cinco dias, gradualmente perde os sentimentos mais fortes da fome. Com certeza os animais, incluindo o homem, mostram diversas estratégias de adaptação fisiológica para lidar com períodos naturais de sem alimento.

Brian Palestis, do Wagner College, diz que não sabe a resposta para a pergunta específica sobre o sentimento de fome dos animais, mas é preciso termos em consideração as diferenças entre animais de sangue frio e animais de sangue quente, no caso, os endotérmicos e os ectotérmicos. A energia que conseguimos do alimento serve para manter o nosso metabolismo e produzir calor para o nosso corpo. Pequenos pássaros, por serem pequenos, precisam comer com mais frequência para manter o calor. Já animais como cobras, que podem passar longos períodos sem comer, não precisam comer com tanta frequência assim.

Bom, claro que não podemos afirmar nada sem um estudo comprovado, mas pelo visto, cada animal tem suas necessidades, ou seja, cada caso é um caso. Mas e você, qual a sua opinião sobre o assunto? Não esqueça de deixar o seu comentário!

Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.