8 maneiras de ensinar seu cachorro a fazer cocô e xixi no lugar certo

30/06/17 às 17h52

"Cuidado com o chão, tem xixi aí!" Quem cria ou já criou cachorros de estimação dentro de casa sabe que essa frase pode ser bem recorrente, principalmente com filhotes ou cachorros destreinados. Mas não seria muito mais fácil se a gente não precisasse lidar com esse tipo de situação e compartilhar a residência com um animalzinho que sabe qual o lugar ideal que deve utilizar como seu banheiro?

Não só essa realidade é maravilhosa, como é real e completamente possível. O segredo? Hábito e repetição para você e para o animal.

A forma mais fácil de educar seu cachorro a fazer xixi e cocô no lugar certo é criar uma rotina de repetição para que ele possa aprender ao hábito. Para agilizar o processo, associar as escolhas certas do animal com reações positivas e recompensa também é essencial.

O tempo de duração do processo vai depender da sua própria disciplina para educar o cachorro e do tempo de experiência - ou falta de - que ele tem com o treinamento. Se você for dedicado, o cachorro pode aprender o hábito em apenas uma semana ou duas, mas em casos mais relaxados isso pode durar até dois meses.

Aqui está uma lista de passos e dicas para você economizar o seu tempo de faxina e estresse!

1 - Aproveite enquanto o cachorro é filhote

O momento mais propício para fazer o adestramento é quando o cachorro ainda é filhote. Sem muita experiência de vida e sem hábitos de fazer xixi e cocô em qualquer lugar da casa, vai ser muito mais fácil criar a associação para ele. Depois de cerca de 45 dias de vida do animal, já é possível começar os primeiros passos do ensinamento.

2 - Crie uma rotina de repetição

Para conseguir fixar o hábito no dia-a-dia, seu cachorro vai precisar de repetir os mesmos costumes com frequência. Isso pode envolver os horários de alimentação, de passeio e de ir ao "banheiro" escolhido por você. Para filhotes, o ideal é que eles sejam levados ao lugar escolhido cerca de 10 a 15 minutos depois das refeições. Para os cães mais experientes, você vai precisar de mais esforço e percepção dos hábitos que eles já possuem.

3 - Organize um lugar para o cachorro utilizar como banheiro

Além de criar uma repetição de hábitos e horários, é fundamental que você organize um lugar para o cachorro entender como dedicado a xixi e cocô. Da mesma forma que você reconhece banheiros como esse território, ele precisa ter a mesma percepção. A escolha pode variar de acordo com suas preferências, mas é importante ser de fácil acesso e distante do lugar em que o animal come e dorme.

4 - Utilize recompensas

Sempre que o seu cachorro fizer xixi e cocô no lugar certo, durante o momento de aprendizado, faça um carinho, reaja positivamente ou dê algum tipo de petisco. Com o tempo, ele vai entender que o ato de fazer as necessidades no mesmo lugar vai ser percebido como bom comportamento e vai insistir na repetição dele.

5 - Evite as broncas

Por mais que muita gente insista que brigar com o cachorro ou esfregar o focinho dele no xixi e cocô seja um método eficaz, na verdade você não está ensinando o cachorro. Os animais respondem aos estímulos positivos, e não às repressões. Por conta disso, quando ele fizer no lugar errado, ignore e procure prestar mais atenção. Se você pegá-lo no flagra, aí sim pode dar alguma bronca, mas nada exagerado, apenas sinalize que ele está fazendo algo errado e o leve para o lugar certo para xixi e cocô.

6 - Tenha paciência

Como já vimos, os cachorros não aprendem bem com broncas e pressão, o que pode fazer com que o tempo de aprendizado seja maior do que a sua expectativa. Seja paciente para lidar com os momentos em que ele sair da linha e não entender bem a sua intenção, para evitar as brigas e descontrole emocional. Se estiver muito difícil, procure dicas de especialistas para ver o que pode estar fazendo errado.

7 - Utilize produtos especializados

Se as técnicas de ensinamento não estiverem dando muito certo, você pode apostar nos educadores sanitários - produtos à base de amônia que imitam o cheiro do xixi do cachorro. Os produtos ajudam no adestramento e podem ser encontrados com facilidade em lojas de artigos para animais, petshops e até algumas clínicas veterinárias.

8 - Limite horários

Para condicionar o animal e facilitar a sua supervisão e adestramento do bichinho, não deixe que ele tenha acesso a comida e bebida durante o dia todo. Crie hábitos de alimentação ligados a horários específicos, ensinando o animal a comer e matar a sede nos momentos corretos, já que eles vão ditar o ritmo dos momentos de fazer xixi cocô.

E aí, será que essas dicas vão ajudar a educar melhor o seu animal de estimação? Conhece outras estratégias? Conte para a gente nos comentários!

PH Mota
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
COMPARTILHAR INSCREVA-SE

VER COMENTÁRIOS

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.